Destaques: Fieis de Santo Agostinho fazem campanha de combate à fome

Destaques: Fieis de Santo Agostinho fazem campanha de combate à fome

Comunidade agostiniana afirma que quase 117 milhões de pessoas estão em situação de insegurança alimentar e que 19,1 milhões de brasileiros passam fome

Fieis de Santo Agostinho organizam campanha contra a fome 

Os freis agostinianos e as unidades do Colégio Santo Agostinho iniciaram, nesta semana, uma campanha de solidariedade para enfrentar a fome durante a pandemia da Covid. Denonimada “A fome não espera!”, a iniciativa vai arrecadar doações até 24 de abril e tem como objetivo conseguir cerca de 13 toneladas de alimentos, o que equivale a mil cestas básicas.  

De acordo com a comunidade agostiniana, são quase 117 milhões de pessoas em situação de insegurança alimentar e 19,1 milhões de brasileiros que passam fome efetivamente. “Nos últimos dias, estamos vendo o acirramento da pandemia e de tudo aquilo que ela provoca junto aos mais pobres. Começamos a ver a fome mais perto da gente. A população está em busca de coisas básicas, e não podemos ficar indiferentes”, defende Clovis Oliveira, diretor de Ação Social e Pastoral do Colégio Santo Agostinho.

Ele conta que, em poucos dias de campanha, os resultados foram animadores, e agora está sendo feito um estudo para se dobrar a meta de arrecadação. “Foi uma surpresa muito positiva a forma com que essa ação se espalhou com o uso das redes sociais, chegando a grupos que não imaginamos atender”, explica.

Entrega

Os alimentos serão distribuídos nacionalmente para as famílias atendidas pelas obras sociais agostinianas ou em obras sociais parceiras, e também para as pessoas em situação de insegurança alimentar que vivem no entorno das unidades.

“O nosso grande objetivo é colaborar para mudar essa triste realidade. Convidamos toda a sociedade e todas as nossas comunidades espalhadas pelo Brasil a se juntarem a nós nessa grande rede de solidariedade. Somos um só coração e, juntos, podemos mais”, afirma o frei Luiz Antônio Pinheiro, presidente da entidade mantenedora da rede educacional.

Como ajudar

As doações podem ser feitas presencialmente nos postos de coleta ou por meio de transferência bancária. Os apoiadores também podem usar a hashtag #AgostinianosContraaFome.

As entregas de alimentos podem ser feitas até 23 de abril, das 8h às 17h,  nos seguintes pontos

– Unidade Belo Horizonte – Av. Amazonas, 1803, bairro Santo Agostinho
– Unidade Gutierrez – Rua Daniel de Carvalho, 1.424, Gutierrez
– Unidade Nova Lima – Rua das Cores, 355, Vale dos Cristais
– Unidade Contagem – Rua Marte, 435, Jardim Riacho das Pedras
– Escola Profissionalizante Santo Agostinho (EPSA) –  Avenida Deputado Antônio Lunardi, 98 – Brasil Industrial (Barreiro de Cima)
– Paróquia Nossa Senhora da Consolação e Correia –  Rua Bernardo Guimarães, 2.700, Santo Agostinho
– Paróquia Cristo Redentor –  Av. Menelick de Carvalho, 180, Barreiro de Cima

Para fazer doações por transferência bancária, o PIX com chave de CNPJ é o 17.773.944/0001-02; e a conta para depósito é no Banco Bradesco, agência 3417-7, conta corrente 29129-3, em benefício do Vicariato Agostiniano Nossa Senhora da Consolação do Brasil.

Em tempos de desinformação e pandemia, o jornal O TEMPO reforça o compromisso com o jornalismo mineiro, profissional e de qualidade. Nossa redação produz diariamente informação responsável e que você pode confiar. Continue nos apoiando. Assine O TEMPO.

Fonte: Jornal Super / O tempo

CATEGORIAS
TAGS

COMMENTS

Wordpress (0)
Enable Notifications    OK No thanks