BH

Em dia de recorde de mortos por Covid em MG, torcedores se aglomeram para ver jogo de futebol

Torcida do Vasco aglomera em Tombos
Aglomeração foi dispersada pela PM (Reprodução/@gabigolu/Twitter)

Uma cena preocupante marcou a partida entre Vasco e Tombense, pela Copa do Brasil, na noite dessa quarta-feira (7), em Tombos, município da Zona da Mata mineira. Um grupo de torcedores se aglomerou no terraço de uma obra para acompanhar o duelo. Tudo isso aconteceu em meio ao pior momento da pandemia do novo coronavírus e, por isso, a PM teve que atuar para dispersar o público.

Os torcedores, em sua maioria do Vasco, ficaram em um terraço localizado próximo ao estádio Almeidão e nem todos utilizavam máscara, item necessário para diminuir a contaminação pelo vírus. A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) solicitou a retirada dos torcedores e a PM os dispersou durante o segundo tempo da partida.

Onda roxa

Segundo o boletim mais recente da prefeitura de Tombos, divulgado ontem, a cidade possui 737 casos confirmados de Covid-19, com 12 óbitos. O município possui menos de 8 mil habitantes, segundo o IBGE, e está na onda roxa do programa Minas Consciente, a mais rigorosa. Ainda ontem, quando o jogo foi disputado, Minas registrou o maior número de óbitos pelo novo coronavírus, desde o início da pandemia, com 508 mortes em 24 horas.

Boletim Atualizado

Publicado por Prefeitura Municipal de Tombos em Quarta-feira, 7 de abril de 2021

Vitória vascaína

Dentro do campo, o Vasco levou a melhor e venceu o Tombense por 2 a 1. Os gols da equipe vascaína foram marcados por Gabriel Pec e Andrey. Daniel Amorim, já no final do jogo, descontou para os mineiros. A vitória assegurou a equipe comanda por Marcelo Cabo para a próxima fase da competição nacional.

Além da classificação, o Vasco garantiu uma premiação de R$ 1,7 milhão. O próximo adversário na Copa do Brasil vai ser decidido em sorteio da CBF que ainda não tem data para ser realizado.

Reforce a proteção contra o vírus

A SES-MG orienta que a população tome algumas medidas de higiene respiratória para evitar a propagação da doença, são elas:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.
Vitor Fórneas
Vitor Fórneas[email protected]

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política. Teve reportagens agraciadas pelo prêmio CDL.



Fonte: BHAZ

Redação

O portal noticiasbh utiliza algoritmos com inteligencia artificial para proporcionar a você a seleção das principais notícias da cidade de Belo Horizonte, destaques do Brasil e no Mundo.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *